quinta-feira, 30 de outubro de 2008

Há vinte anos.

Há exatos vinte anos, Ayrton Senna, um dos grandes nomes do nosso esporte conquistava seu primeiro título mundial de Fórmula 1. Numa corrida emocionante e brilhante em Suzuka, Japão, o brasileiro, então com 28 anos, tornava-se o terceiro piloto do país a conquistar um título na categoria. O triunfo veio após um duelo histórico com Alain Prost, seu companheiro de equipe na McLaren. Era a confirmação do talento de um gênio da velocidade.
Estamos numa semana decisiva na principal categoria do automobilismo mundial e a disputa, assim como em 1988, está restrita a dois pilotos: Felipe Massa e Lewis Hamilton. A diferença crucial é a de que, há duas décadas o número de pilotos geniais era maior. Além de Senna e Prost, tínhamos Piquet. Hoje temos apenas bons pilotos.
Nossas apostas estão depositadas no inglês, mas tudo pode acontecer, apesar de ser pouco provável que Hamilton repita os erros do ano passado.
E você que nos acompanha, o que acha? Responda à pesquisa ao lado!

2 comentários:

brunaldo disse...

Vai dar Rubinho amigo...segura!

André Casotti Louzada disse...

Rubinho disse hoje que não tem carro nem pra ajudar a ele próprio, muito menos pra ajudar Massa ou atrapalhar Hamilton. haha